sábado, 30 de março de 2013

Feliz Páscoa!!!

Feliz Páscoa gente linda!
Aproveitem a família, os amigos, muito equilíbrio e moderação para não chorar ao encontrar a balança na segunda-feira, olha o FOCOOO!!!!
Na segunda-feira postarei o formulário para preenchimento do Resultado final do Desafio de Páscoa da Rô.

Eu ficarei na Alfarroba:
Tem cara de chocolate, gosto de chocolate, mas não é chocolate. Além de nutritivos, os produtos feitos com alfarroba são isentos de lactose, glúten e açúcar, delíciaaa!!


sexta-feira, 29 de março de 2013

quarta-feira, 27 de março de 2013

A hora é agora, comprometa-se!!!

Hoje foi dia de musculação e por aí? 20kg na cintura tava pesadinho hehehhe

Sem desculpas, boraaa mexer o corpinho!!!!

Se você se dispôs a enfrentar o desafio de entrar em forma, de emagrecer... A hora é agora! Não importa se está calor ou frio, ritmo pesado ou normal de trabalho, as desculpas são tantas, que você sempre dá um jeito de escapar. Esqueça as desculpas para adiar a matrícula na academia ou para faltar a aula de ginástica, ou exercitar-se ao ar livre!
Primeiramente, comprometa-se! Se você costuma fugir desse compromisso, que tal fazer um plano trimestral ou semestral na academia ou então contratar um personal trainer para orientá-lo nos exercícios? O fato de você perder dinheiro se faltar nos treinos pode ser motivador e estimula-lo a não desistir.
Veja isso como uma prioridade. Provavelmente você não perderia uma consulta com seu médico, dentista ou uma ida agendada a manicure/barbeiro. Assim como esses compromissos, faça dos exercíci­os físicos algo que você não pode faltar.
Vença o cansaço, a preguiça, as desculpas… E vá para academia! Escolha uma academia que fique perto de casa, do trabalho, ou ainda no caminho entre os dois. Chegando à academia, você acabará fazendo alguma coisa, mesmo que não cumpra totalmente a planilha de treino. O que importa é não faltar. Assim, você acaba se acostumando a frequentar a academia.
A cena mais comum é que depois de um longo dia de trabalho, as pessoas desistam de praticar exercícios físicos. Muitas acabam ficando até mais tarde no escritório e quando chegam em casa não resistem ao conforto do sofá. Frequente a academia na parte da manhã, antes de ir para o trabalho. Programe o despertador, prepare sua bagagem de academia à noite antes de dormir, deixe o look fitness separado e saia da cama sem pensar.
Considere os gastos. Pense em todo o investimento que você está tendo para entrar em forma. Você gastou tempo com consultas, paga a mensalidade da academia todo o mês, acabou de comprar roupas novas, tênis, mp3, luvas, squeeze, etc. Quando pensar em ficar na cama dormindo, no sofá vendo televisão ou conectado, pense em todos esses gastos.
Descubra uma atividade que você goste de fazer. Assim vai ser mais fácil não desistir. Diversas academias oferecem aulas de vôlei ou futebol, lutas marciais, grupos de corrida, ioga, natação, hidroginástica, entre outras modalidades. Se você tem dificuldade em saber o que quer, faça uma aula experimental nas modalidades que mais curte. Não tem como errar!
Arrume uma companhia. Esse é o melhor jeito de tornar a malhação mais divertida e também mais eficiente. Um estudo americano publicado no Annals of Behavioral Medicine analisou o desempenho de mulheres que pedalaram sozinhas, em grupo e com um parceiro virtual e revelou que os dois últimos grupos aguentavam até o dobro do tempo das malhadoras solitárias. Combinem que uma tem que animar a outra, para que vocês não faltem às aulas.
Faça disso uma competição, com castigos e recompensas. Se você e sua companhia de academia ainda estão em dúvidas se vale mesmo à pena acordar cedo todos os dias para ir para a academia, invente desafios. Seja entre você e seu amigo, ou só para você mesmo! Por exemplo: caso você falte um dia, terá que completar 30 flexões. E quando você não faltar durante um mês completo, se dê um presente. Podem ser uma massagem, um podólogo, flores, etc. Use a criatividade!
Crie metas realistas. Você quer eliminar um pouco de peso ou ficar com as pernas mais torneadas? O exercício físico não vai resolver o seu problema de uma hora para outra. São necessários pelo menos três meses para notar algum resultado no corpo. Não desista antes disso!
Vá devagar. A maioria das pessoas que começa a praticar algum exercício físico quer tirar o atraso logo na primeira semana. Desse jeito, você vai acabar é se lesionando e morta de cansaço! Por isso, menos. Inicialmente, se você se exercitar três vezes por semana, por uma hora, já está ótimo. A partir do segundo mês, vá aumentando o tempo e os dias da semana.
Cultive a endorfina. Faça um diário de treino. Após voltar da academia, escreva como foi o seu treino, o que você treinou, como você se sentiu treinando e como você se sente após o treino. Então, toda a noite antes de dormir, leia as coisas que escreveu e lembre-se de como é boa a sensação da endorfina e de “dever cumprido”.
Acompanhe os resultados. Se você estiver se exercitando com frequência, combine com o professor de fazer uma avaliação a cada dois/três meses. Esse é o melhor jeito de saber se suas medidas diminuíram, se sua porcentagem de gordura corporal caiu, se sua flexibilidade melhorou. Ver que o esforço está dando certo é um incentivo para continuar.
Não desista! O corpo humano precisa de um período para se adaptar aos exercícios físicos. Antes de três meses, o treino é bastante cansativo, mas depois desse tempo o corpo e a mente já se adaptaram ao esforço e a atividade física começa a ser mais prazerosa.
Os especialistas afirmam que demora seis meses, em média, para que a gente consiga encaixar alguma nova atividade ao nosso dia a dia. Por isso, força! Não se culpe se, de vez em quando, você tiver que faltar por causa de um compromisso.
O importante é você retomar a atividade logo depois e não desistir!
Fonte: www.dicasdetreino.com.br

Estou no Instagram, siga-me os bons!!! http://instagram.com/rosbarbieri/

segunda-feira, 25 de março de 2013

Última semana do Desafio de Páscoa da Rô

Foto: Eu bem faceira depois dos 10km na Poa Night Run dia 16/03

Genteeee, que saudade de postar!!! Semana passada foi muito corrida e não consegui postar.

Essa é a última semana do Desafio de Páscoa da Rô, nada de perder o FOCO heinnn!!!!

Continuo treinando 6x na semana: 3x musculação e 3x corrida, cuidando da alimentação, tomando os chazinhos, muita água e evitando os pães brancos, massas brancas e doces durante a semana.


Hoje passei na Porto Mais Verde e já garanti meu pão sem glúten para a semana e Muffin sem glúten, para variar nos lanchinhos da tarde. Estou evitando o glúten e está me fazendo muito bem, a barriga fica bemmm mais sequinha.
Leia e entenda mais sobre a Vida Sem Glúten AQUI

Adorei essa campanha, que tal?


Boraaaaa mexer o corpinho, você pode!!!!!! Focoo na semana linda e light!

sexta-feira, 15 de março de 2013

Mix de óleos: auxiliar no emagrecimento


Saiu uma matéria na Revista Viva Mais sobre mix de óleos e como podem auxiliar no emagrecimento. 
Minha super nutricionista e amiga Adriane Rodriguez está colaborando com ótimas dicas nesta matéria e a linda Nelita que também é minha amiga e parceira de treino, conta como emagreceu 20kg, mudou sua rotina e agora está toda poderosa e mais gata!!!!
Parabéns meninas, que orgulho tenho de vocês, merecem todo reconhecimento :)




quinta-feira, 14 de março de 2013

Persista, você pode!

CLIQUE na foto para AMPLIAR
Foto: Um pouco da minha trajetória - Final da gravidez em 2000, depois em 2002, primeira corrida em 2009 e as duas últimas fotos são atuais. Persistência e disciplina são as palavras de ordem. Reeducação alimentar, treino 6x na semana e muita paciência para esperar os resultados.
Os exercícios foram e são essenciais para mim, me acalmam, aliviam a ansiedade, transformam o corpo e tira o foco das comidinhas gordas ;)

Dicas do Site Minha Vida:
Que atire a primeira pedra quem nunca começou e parou várias dietas. "A persistência é, ao mesmo tempo, o segredo e o maior desafio de quem vive na luta contra os quilos a mais", orienta Sonia Trecco, nutricionista-chefe do Serviço de Atendimento Ambulatorial do Hospital das Clínicas. Quando o ato de comer, no entanto, transforma-se num vício a melhor saída é buscar ajuda de um psicólogo. "As pessoas não engordam por acaso", diz a psicanalista Andrenei de Dantas, da Clínica Escuta Analítica. "É importante questionar quando você começou a engordar e por quê". Com ajuda dela e da nutricionista do Hospital das Clínicas, separamos uma série de dicas que vão ajudara você a respirar fundo e seguir adiante:

Diário alimentar
Comece fazendo um diário de tudo o que come diariamente e avalie se tudo o que ingere é realmente necessário. 


Controle as emoções
Pense se você não está comendo para preencher algum vazio existencial. Se achar que sim, procure uma maneira de solucionar o problema. "Banhá-lo" de chocolate ou caramelo só complica a sua situação. 


Ajuda profissional
Procure sua nutricionista  para que ela possa acompanhar o desenvolvimento da sua dieta. 


Comece aos poucos
Coloque na sua cabeça que caminhar todo dia um pouquinho vai fazer bem não só para a sua dieta, como para a sua saúde. Para quem está muito acima do peso, o ideal é começar devagar, caminhando cerca de 10 minutos por dia, aumentando gradativamente.


Coma devagar
Toda vez que for comer, lembre-se de que você está fazendo uma degustação e, por isso, precisa mastigar devagar, sentindo o sabor dos alimentos. Entre uma garfada e outra, descanse os talheres. 


Invista na salada
Muita salada ajuda a enganar o estômago e comer menos nas refeições. Procure verduras e legumes que você goste e não sejam muito calóricos. Oriente-se pela cor dos alimentos, ou seja, quanto mais variado, melhor.  


Concentre-se na refeição
Não coma no sofá ou em frente ao computador ou da tevê. Lugar de se comer é à mesa, onde você presta atenção nos alimentos e evita exageros. 


Mudanças levam tempo
Lembre-se sempre de que não é possível dormir gordo e acordar magro. Você demorou meses e, às vezes, até anos para engordar. Também vai demorar um pouco para emagrecer. Mas nada de desanimar. Não existe fórmula mágica. Mas pode reparar: fazendo tudo certinho, todos os dias você enxuga um pouquinho da barriga. 


Coma de três em três horas
Aquela velha lição continua valendo: faça de quatro a cinco refeições diárias, intercalando com frutas. Procure comer nos horários corretos para disciplinar o seu organismo e não sentir fome o dia todo. 


Água
Tome muita água durante o dia. Mas entre as refeições, e não durante. Os líquidos em excesso dificultam a digestão.


Diminua as quantidades
Se aparecer um programa que inclua pizza, não precisa sair correndo. Procure diminuir a quantidade. "Em vez de quatro pedaços, coma dois, e prefira as menos calóricas como de mozarela ou de verduras", aconselha Sonia Trecco. 


Lanchinhos
Tenha sempre à mão alimentos como tomate, pepino, pedacinhos de queijo branco ou frutinhas picadas. Eles são ideais para enrolar a fome. Procure levar para o trabalho uma fruta, barra de cereais ou torradas. 

Não pule refeições
Mesmo que esteja atrasada, não pule nunca o café da manhã nem as outras refeições. Isso te deixará com muita fome na refeição seguinte, levando ao exagero. 


Relaxe
Nunca entre em casa e vá direto para a cozinha. Ao chegar do trabalho, o melhor é ficar na sala, tomar um banho, relaxar e só então fazer a refeição.


Estímulos
Se é a sua primeira dieta, recorra às dicas da psicóloga. Colocar uma foto em que você aparece gorda na porta da geladeira é um estímulo poderoso. Aproveite a vá colocando outras fotos com o seu avanço. Outra dica é ir tentando diariamente experimentar aquela calça que você tanto gosta e não te serve. Pense que você logo, logo vai conseguir entrar nela. 


Não desista!
Se você pisou na bola uma vez, não fique pensando que é o fim do mundo - volte a andar na linha e mantenha o foco nos resultados. Você verá que um deslize não é o fim do mundo.
 


terça-feira, 12 de março de 2013

Várias opções de lanches saudáveis com menos de 100 calorias

Fazer lanches no meio da manhã e da tarde é essencial para quem quer perder peso. "Esse hábito mantém o metabolismo equilibrado e controla o apetite até a próxima refeição, evitando a compulsão", afirma a nutricionista Roseli Rossi, da Clínica Equilíbrio Nutricional, de São Paulo. Mas, para manter-se bem nutrido é essencial que o petisco não seja rico em calorias, sódio e gordura saturada ou trans, e ainda que tenha os nutrientes para manter a saúde em dia. 

O ideal é compor essa refeição com um carboidrato (como as torradas e os pães integrais ou uma fruta), uma proteína (presente no queijo, no peito de peru e nos iogurtes, por exemplo) e gorduras boas (encontrada nas sementes oleaginosas). Esses alimentos têm bom valor nutricional e evitam os picos glicêmicos, que atrapalham o emagrecimento. Confira abaixo uma lista com  lanchinhos saudáveis e com poucas calorias. 




Pão sueco com queijo cottage

Comer uma fatia de pão sueco (30 calorias) com uma colher de sopa de queijo cottage (30 calorias) é outra opção saudável de lanche com 60 calorias. "O pão sueco pode fornecer fibras que facilitam a digestão e dão a sensação de saciedade. Já o queijo cottage é rico em cálcio e proteínas, além de ser menos calórico que outros tipos de queijo", explica a nutricionista Rosana. 

Oito cenouras baby com molho de iogurte desnatado

"É bom não exagerar na quantidade de molho para não engordar o prato", recomenda a nutricionista Roseli. Ela garante que as cenouras são ricas em carotenoides e antioxidantes, que auxiliam na saúde da pele, combatem o envelhecimento e a formação de radicais livres. Oito cenouras baby têm 20 calorias e 100 gramas do molho aproximadamente 60.

Sanduíche de pão sírio integral com ricota

O sanduíche com meio pão sírio integral e uma fatia de ricota tem menos de 93 calorias. E as vantagens não param por aí: esse lanche é rico em fibras, carboidratos e proteínas. "Além de dar energia, os carboidratos integrais têm baixo índice glicêmico, e por isso, dão mais saciedade", explica a nutricionista Maria Lucia Tafuri.  

Maçã assada com canela

A maçã - que tem em média 95 calorias - é uma das frutas mais ricas em fitoquímicos benéficos à saúde, como a quercetina, um antioxidante que ajuda na prevenção do câncer, melhora a circulação, diminui o colesterol e o nível glicêmico. "Além disso, sua casca é fonte de pectina, uma fibra que ajuda a regular o intestino e oferece mais saciedade. E a canela pode ajudar no emagrecimento, uma vez que acelera o metabolismo, sem adicionar calorias ao doce", afirma a nutricionista Roseli.

Iogurte desnatado com mel

 Uma unidade de iogurte desnatado com uma colher de sopa de mel tem aproximadamente 90 calorias. Além de ser rico em cálcio e excelente para a saúde dos ossos. "O iogurte é um excelente probiótico, ou seja, ele ajuda na formação e manutenção da flora intestinal. O mel, por sua vez, dá energia e fortalece o sistema imunológico", explica Roseli Rossi.  

14 amêndoas

As amêndoas têm fibras que ajudam o trânsito intestinal e dão saciedade. A nutricionista Roseli explica que essas sementes são também ricas em gorduras insaturadas, que ajudam a proteger o coração, além de ser fonte de cálcio, que mantém a saúde óssea e auxilia nas contrações musculares. Uma porção com 14 unidades tem apenas 90 calorias e zero gordura saturada, aquela que faz mal à saúde, mas nem por isso deixa de ser gordurosa. A porção sugerida tem 11% dos valores de gorduras totais recomendados por dia, então, fique atento! 

Sorvete light, frozen de iogurte desnatado e picolé de frutas

Uma bola de sorvete light tem, em média, 90 calorias. Mas a redução do número de calorias não melhora a qualidade das gorduras. "O ideal é optar pelo frozen de iogurte desnatado, que tem os benefícios e as calorias do ingrediente base da receita, ou até pelo velho picolé de fruta, que tem entre 50 e 100 calorias por unidade", afirma Roseli Rossi.  

Iogurte com gelatina diet

A forma mais comum de gelatina utilizada na alimentação tem um conteúdo calórico nada desprezível, o equivalente a cerca de 100 calorias por taça de 100g. Mas as versões diet e light são praticamente isentas de calorias e podem ser muito úteis na elaboração de sobremesas com baixo valor calórico, podendo ser consumidas na sua forma tradicional, com sabores de frutas ou utilizadas para dar consistência a mousses ou pudins, ideal para quem pretende manter a forma ou perder alguns quilinhos.

Torrada com patê de atum

Assim como a versão enlatada do peixe, o patê de atum é rico em ferro, potássio, fósforo, magnésio e zinco, minerais que protegem o sistema cardiovascular e aumentam a imunidade. "O atum também é rico em ômega-3, que diminui o risco de doenças cardiovasculares, é indicado no tratamento da obesidade, tem ação anti-inflamatória, é aliado da memória, do tratamento de depressão e prevenção de Alzheimer", diz a nutricionista Flávia Morais, da rede Mundo Verde. Uma unidade do petisco tem cerca de 70 calorias.  

Salada de frutas

Ela faz parte de qualquer dieta, mas muita gente acaba adicionando componentes, como leite condensado, açúcar e mel, que acabam engordando a sobremesa. O ideal é escolher as frutas que você gosta e aproveitar os benefícios delas. O Minha Vida sugere a medida de um copo pequeno com banana, maçã, laranja e mamão bem picadinhos. 

Torrada com geleia diet

Apesar de ser feita a partir de frutas, a adição de açúcar é o grande perigo das geleias. O único nutriente que ela fornece são os carboidratos. São 14 gramas para cada 20 gramas do quitute. A melhor opção é a geleia diet que apresenta uma quantidade menor de açúcar. Uma colher de sopa de geleia diet de morango tem 25 calorias. Ela fica uma delícia com duas torradas integrais, totalizando 95 calorias. 

Bolo de Banana Diet

Com apenas 70 calorias por porção, esse bolo cabe na dieta. Além de contar com os nutrientes da banana, ele leva canela em pó, que praticamente não tem calorias e ainda é termogênica, ou seja, ajuda a acelerar o metabolismo e gastar calorias. Confira a receita.

Leite desnatado com cereal light

Uma xícara de chá de leite desnatado e meia xícara de chá de cereal matinal têm, juntos, aproximadamente 100 calorias. Além disso, o leite é um ótimo aliado de quem quer prevenir a osteoporose, já que é fonte de cálcio, mineral responsável pela saúde dos ossos. O cereal matinal se responsabiliza pelo fornecimento de energia para o corpo. 

Cinco unidades de damasco seco

As frutas desidratadas tradicionais, como o damasco, podem ser tão saudáveis quanto as frutas frescas. Segundo trabalhos apresentados no 30º Congresso Mundial de Castanhas e Frutas Secas em maio de 2011, elas estão entre os principais alimentos ricos em potássio e ainda são fonte de antioxidantes, vitaminas e minerais. Eles alertam, entretanto, que açúcares e outros nutrientes estão mais concentrados nas frutas desidratadas e que a porção ingerida deve levar em conta o peso da água eliminada. Mas, comendo com moderação, dá para adicionar poucas calorias à dieta. Cinco unidades têm 50 calorias, 0,39 g de gorduras e 6,24 g de fibras. 

Banana assada com canela

Rica em potássio, fibras e vitamina A, B6 e k, a banana maçã conta com 60 calorias. O potássio ajuda a prevenir cãibras, já que é importante para o processo de contração muscular. Uma pesquisa da Universidade das Filipinas mostrou que comer banana também ajuda a combater insônia, graças a grande quantidade de vitaminas que ela contém. A canela não adiciona nenhuma caloria à sobremesa e ainda é termogênica, ou seja, aumenta o metabolismo e estimula o gasto calórico. 

Kiwi com chocolate meio amargo

O lanche pode ser ideal para o dia em que der vontade de comer uma guloseima. O kiwi diminui as chances do aparecimento de doenças, como câncer, além de impedir o envelhecimento da pele, segundo um estudo feito pela Universidade de Tóquio. O efeito ocorre graças à grande quantidade de antioxidantes que a fruta oferece. Um kiwi tem 45 calorias. Já 10 gramas de chocolate meio amargo tem cerca de 50 calorias e contém substâncias antioxidantes que protegem o coração.  
Fonte: Minha Vida 

segunda-feira, 11 de março de 2013

Você desconta suas emoções na comida? Faça o teste!


Você já passou por alguma situação de estresse e, de repente, sentiu uma enorme vontade de comer um doce ou algo que goste muito? Professores da Universidade de Paris, na França, demonstraram em pesquisas que existe uma relação direta entre o sistema límbico, onde se formam as emoções, e o hipotálamo, onde se concentra a fome.

Os pesquisadores ainda contam que a comunicação errada entre esses dois núcleos cerebrais pode resultar no impulso de comer, e que cerca 95% das mulheres saudáveis na França engordam porque comem para suprir emoções. E você, será que está indo pelo mesmo caminho? Faça o teste e descubra se as suas emoções interferem diretamente na sua dieta.


Fonte: Minha Vida

sexta-feira, 8 de março de 2013

Feliz dia Da Mulher


Feliz dia da Mulher \o/
Meninas nada melhor do que se cuidar não é? Saúde e mente em equilíbrio!
Aproveitem para mexer o corpinho, cuidar de você e se amar!
Não deixe para amanhã, faça hoje mesmo!

Aproveite seu dia, todos os dias ;)

quarta-feira, 6 de março de 2013

Exercício em casa: Aula de GAP



Boraaa mexer o corpinho???

Para fazer em casa: aula de GAP, ótimo para queimar as gordurinhas e acelerar o metabolismo.

Focooo no Desafio de Páscoa!

...


Também acho a vida muito curta para inventarmos desculpas, para ficar de mimimi, para não correr atrás dos nossos sonhos e comemorar nossas conquistas!
Não deixe para amanhã...pode não chegar!
Sem mais!

segunda-feira, 4 de março de 2013

Um passo depois do outro


O indiano Fauja Singh tem 101 anos,  começou a correr aos 87 anos quando entrou em depressão por causa da morte do filho, ele usou o esporte - a corrida como terapia.
Fauja bateu vários recordes mundiais, um homem de superação e um grande exemplo, não existe impossível quando realmente queremos. 

Ontem passou uma matéria sobre ele no Esporte Espetacular, não preciso dizer que fiquei muito emocionada, já conhecia a história dele, mas lembrá-la é sempre emocionante.




Não pare, nunca desista!!!
Um passo depois do outro e você consegue chegar onde quiser!!!

E você ainda vai ficar parado????